"literaturaemdebate"

Chamada para publicação

Revista Literatura em Debate
Qualis: A4

Volume 19, número 33, janeiro/junho de 2024

Organização: Claudionei Vicente Cassol, Sílvia Regina Canan e Maya Aguiluz Ibargüen.

Dossiê - As diversas linguagens na escola básica: repercussões das políticas públicas

A comunicação vitaliza as relações humanas e dinamiza as compreensões plurais que acendem diálogos, tensionamentos e frutificam em teorias e sistemas que operam no acontecimento da ciência, do conhecimento. A literatura, em seus canais de leitura, interpretação, imaginação, criação, escrita, é um mundo de registros e vias de engajamento que ultrapassam hermetismos e se faz presente em cada área do conhecimento com debates criativos, com seus sentidos, interpretações e potencialidades na promoção do desenvolvimento intelectual e do primor pelas relações conscientes, racionais, reflexivas e capazes de sentimentos que elevam a dignidade humana. Pensar a educação básica, a relevância das políticas públicas nas etapas iniciais da formação e ver nesse campo a ação docente, os compromissos institucionais, as possibilidades, o sistema nacional de ensino, a pluralidade de indivíduos, a diversidade étnico-cultural e sociocientífica são objetivos centrais do dossiê As diversas linguagens na escola básica: repercussões das políticas públicas. As tematizações se conectam com o tema geral da Revista Literatura em Debate para este número: Olhares plurais: políticas públicas para leituras, interpretações e metodologias na educação básica e procuram ressaltar a centralidade formadora da integralidade humana como condição para a efetividade da política democrática, cidadã, das dimensões cognitiva e emotiva, da economia sustentável e sociedade solidária, dialógica, ética e concentrada na dignidade humana.

Os textos, elaborados em consonância com as normas da Revista Literatura em Debate, podem abordar, no amplo horizonte da educação básica, temas crítico-reflexivos e propositivos que visualizem carências, necessidades e possibilidades/perspectivas para a Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio à luz das políticas públicas para a educação. Expectativas também dizem respeito à linguagem, enquanto comunicação e canal educativo, suas formas, construções e expressões inclusivas.

Recebimento de submissões: até 15 de março de 2024